segunda-feira, 10 de março de 2008

Eu não falaria de amor com você...


Por que eu te desejava tanto?

Por que esperava tanto por teu beijo?

Por que me embriagava tanto a tua voz?

Por que não via a escura nuvem da tua indiferença?

Por que não percebia teu jogo de querer e não querer?

Eu não falaria de amor com você!

O silêncio era maior...

Assim como todo o sentimento contido e nenhuma verdade revelada.


Clarear


Nenhum comentário:

Postar um comentário