domingo, 29 de junho de 2008

Menos

Eu falo como quem cala
espero o silêncio e o esquecimento
a dose que você me dá
é a mesma que lhe ofereço
nem mais
nem menos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário