quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Não há nada a ser dito,
talvez nem a ser escrito...
podem ser palavras vazias
vazias de mim, vazias de você
vazias disso tudo que restou,
porque tudo isso é nada!

Nenhum comentário:

Postar um comentário