terça-feira, 6 de abril de 2010

Não entendo, mas sinto. por onde vão meus pensamentos... apenas sinto... sinto a chuva lá fora... a música aqui dentro... o vinho em cada gole... as cenas do filme na TV. o cheiro do incenso... seus olhos... eu os sinto... e diante deles me calo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário