quinta-feira, 4 de setembro de 2014

(...) Sou seu, mas eu não posso ser
Sou sua, mas ninguém pode saber
Amor, eu te proíbo
De não me querer (...)

Nando Reis

Nenhum comentário:

Postar um comentário