segunda-feira, 25 de outubro de 2010

aquele que se foi. aquela que sorri. aquele que ainda está aqui, mesmo não mais estando. aquele que foi esquecido. aquela que caminha. aquele que chora. aquela que abraça. aquele que está perdido. aquele que se cala. aquela voz. aquele gesto. aquela mão. aquelas palavras. aquele adeus. aquele cheiro. aquele escuro. aquele quarto. aquela cumplicidade. aquela denúncia de paixão. estava no rosto, nas suas expressões. alguém percebeu o brilho dos seus olhos? alguém buscou a graça do seu caminhar? alguém te tirou da linha da comodidade... exige de você uma ação... uma reação... deseje... sonhe esta noite... imagine tudo... percorra o caminho... sinta... não diga nada... use e abuse do silêncio... é no silêncio que mais conseguimos ouvir o que precisa ser escutado...

Nenhum comentário:

Postar um comentário